A coragem de mudar

Quantas vezes entramos no verdadeiro "automático" e acabamos permitindo que comportamentos nos desviem do que realmente importa?

Fazemos isso nos mais diversos aspectos, carreira, finanças, emoções, relações, saúde, família, ... Tantos são os momentos da verdade, em que poderíamos ter agido diferente, mas insistimos em deixar para depois...

Topa um exercício?

Escreva agora em um papel, os nomes das 5 pessoas mais importantes na tua vida. Coloque um nome em cada linha.

Só continue a leitura deste texto, após escrever estes nomes okay?

Escreveu?

Agora, leia-os para você, em voz alta, de modo que consiga pronunciar nitidamente cada nome escrito.

Fez isso?

Ótimo! Agora, observe a pergunta abaixo:

Em qual posição da lista está o teu nome?

Peço que avalie:

  1. Por que é que teu nome não está em 1o. da lista?

  2. Por que é que você não é a pessoa mais importante da tua vida?

Talvez, tuas conversas internas estejam, neste momento, criticando meu texto e contando a seguinte história na tua cabeça: "ahh mas isso é um egoísmo...", ou "imagina se eu vou deixar meus filhos pra depois...".


Peço somente que avalie:

Ao cuidar verdadeiramente de você, colocando você no topo da lista, estará entregando às demais pessoas sempre a sua melhor versão! Isso jamais é um egoísmo e sim, um ato de amor com todos com quem você se relaciona. Deixar você para depois é um ato de, no mínimo, irresponsabilidade, pois aí sim você coloca em risco uma série de assuntos, que poderiam ser prevenidos e preparados com cuidado.

Teu nome nem apareceu na lista?

Reflita o motivo disso! Quem sabe poderia descobrir como escutar melhor e identificar as crenças que estão bloqueando teus avanços.

Que tal você ser a sua melhor escolha?

Que tal você ser a pessoa mais importante de tua vida?

Que tal você entregar aos outros sempre a sua melhor versão?

Que tal você vibrar por existir e realizar-se diariamente com as oportunidades?

Topa? Escreva nos comentários como foi para você fazer este exercício.